Guia rápido para começar a investir com apenas R$ 1

Não há mais desculpas para deixar seu dinheiro parado

Quanto dinheiro é necessário para começar um investimento? Muitas pessoas acreditam que é preciso um montante alto, mas, na verdade, aplicar dinheiro e obter retorno tem sido um recurso cada vez mais simples e acessível. Com apenas R$ 1, é possível fazer aplicações em alguns tipos de investimentos. Saiba como:

Poupança

Para começar a guardar dinheiro em uma conta poupança, basta ter um centavo para depositar. Essa é uma boa alternativa para guardar dinheiro aos poucos, mas também é uma opção conhecida por seu baixo rendimento, se comparada a outras.

CDB e RDB

Os Certificados de Depósito Bancário (CDB) e os Recibos de Depósito Bancário (RDB) são alternativas indicadas para quem está começando. Além de renderem mais que a poupança, são seguros e não cobram taxas. Em muitos casos, ao investir em um CDB ou RDB, o cliente fica um tempo sem acesso ao dinheiro, que é colocado em circulação e tem um rendimento diário. Porém, para quem quer ter acesso aos valores investidos a qualquer momento, indica-se a chamada liquidez diária, uma modalidade nos CDB e RDB em que o dinheiro rende menos, mas com a vantagem de estar à disposição. O valor mínimo de investimento em CDB e RDB varia de banco para banco, entre R$ 1 e R$ 1 mil.

Tesouro Direto

Se você deixar de comprar um lanche ou cancelar a assinatura daquele serviço de streaming que não utiliza, é possível economizar um pouquinho mais e investir no Tesouro Direto, sistema de compra de títulos públicos do governo federal. Trata-se de uma opção segura, com custo de entrada de R$ 35 e mais indicada para quem quer guardar dinheiro no médio e no longo prazo (dez anos ou mais). No site do Tesouro Direito, é possível fazer uma simulação e calcular quanto dinheiro o investidor vai obter após determinado tempo. O simulador também ajuda a descobrir qual a aplicação do Tesouro Direto mais adequada ao perfil de cada pessoa. Após o investimento inicial de R$ 35, é possível guardar qualquer quantidade de dinheiro sempre que desejado.

Bolsa de Valores

A Bolsa de Valores também possibilita investimentos com pouco dinheiro. A fim de atrair investidores, muitas corretoras oferecem facilidades e uma delas é o baixo valor de entrada.

Como começar

Agora que você já sabe que é possível investir com pouco, veja algumas dicas para começar:

  • Tenha compromisso com o investimento: se você todo mês paga uma conta no dia certo, separe também um valor para investir mensalmente. Não precisa ser muito, o mais importante é começar e criar o hábito.
  • Trace metas: se você consegue investir R$ 10 em um mês, estabeleça objetivos de investir R$ 50 daqui a dois meses, por exemplo.
  • Estude: quanto mais você entende sobre investimentos, mais chances tem de prosperar. Comece pelos investimentos mais tradicionais e, conforme aprofundar seu conhecimento, escolha outras modalidades.
  • Cuidado com golpes: lembre-se que não existe dinheiro fácil, desconfie de propostas de grandes rendimentos e principalmente de empresas que não têm credibilidade no mercado.
  • Estabeleça prioridades: evite gastos desnecessários e dê prioridade para as contas essenciais, principalmente se você tiver um objetivo a ser alcançado.
  • Diversifique: depois que começar a investir, não deixe seu dinheiro em uma única aplicação. Uma carteira diversificada garante que você tenha várias opções e na hora de uma crise, por exemplo, não tenha prejuízos por ter mantido todo o dinheiro em um só lugar.